Oficial de Educação Ambiental

A Administração Nacional das Áreas de Conservação (ANAC) pretende contratar a tempo inteiro um técnico altamente qualificado com forte experiência em educação ambiental e na sensibilização e capacitação das comunidades locais para exercer a função de Oficial de Educação Ambiental.

O objectivo principal da função de Oficial de Educação Ambiental é de apoiar a ANAC na coordenação da implementação das actividades de sensibilização e fortalecimento das capacidades das comunidades locais para assegurar a sua participação efectiva na gestão dos recursos naturais, assim como para a elevação da consciência ambiental da sociedade em geral.

  Requisitos:

  • Grau de Licenciatura em áreas ligadas ao meio ambiente e conservação da biodiversidade ou em áreas das ciências sociais ligadas à relação com as comunidades.
  • Mais de cinco (5) anos de experiência comprovada de elaboração e ou condução de programas de educação ambiental para diferentes grupos-alvo;
  • Conhecimentos sólidos em governança e metodologias de Maneio Comunitário dos Recursos Naturais (MCRN) e conservação da biodiversidade;
  • Excelentes habilidades de comunicação (oral e escrita) em Português e Inglês;
  • Ter experiência em liderança de equipas de trabalho;
  • Experiência e capacidade de elaboração de relatórios e documentos informativos;

Habilidades, Qualificações e Experiências Opcionais e Desejáveis:

  • Conhecimento das áreas de conservação (ACs) de Moçambique;
  • Um indivíduo, com interesse na natureza, altamente motivado e entusiasmado com uma visão clara sobre a educação ambiental, plataformas de comunicação, e mecanismos de sensibilização das comunidades locais e partilha de experiências de gestão de recursos naturais baseadas nas comunidades;
  • Ter experiência em trabalhar e relacionar-se com diferentes instituições e capacidade de facilitar acordos entre comunidades, sector público e privado, Organizações Não-Governamentais (ONG) e outros parceiros;
  • Proactividade e boa capacidade de trabalhar em equipas multidisciplinares;
  • Eficiente e orientado para resultados;
  • Líder e membro excelente de equipas;
  • Capacidade de trabalhar num ambiente que inclui deslocações para áreas remotas e uma elevada pressão e exigência, com prazos rigorosos;
  • Conhecimento profundo de políticas e estratégias de conservação, turismo e desenvolvimento comunitário;
  • Fortes habilidades de relacionamento interpessoal;
  • Liderança colaborativa e motivacional com enfoque em metas organizacionais.

Os candidatos interessados e com o perfil exigido são convidados a submeter as suas candidaturas que devem consistir nos seguintes documentos:

  • Carta de candidatura, indicando a sua potencialidade para preencher o posto, dirigida ao Director da ML;
  • Fotocópia do Bilhete de Identidade;
  • Curriculum Vitae com indicação de 3 referências profissionais;
  • Cópias autenticadas dos diplomas ou certificados dos graus académicos.

As candidaturas deverão ser submetidas até às 14.00 horas do 28 de Fevereiro de 2020 através do endereço eletrônico abaixo indicado. Apenas candidatos pré-seleccionados serão contactados.

As candidaturas devem estar claramente identificadas com a referência ao Cargo a que se pretende candidatar.

Endereço: ml@mlconsultoria.net

Descarregar os TdRs aqui.