RESERVA ESPECIAL DE

Maputo

VIA TERRESTRE / MARÍTIMA

Vindo da fronteira de Ressano Garcia, siga pela EN4 até ao Shoprite, entre à sua direita na EN2 até Boane e depois siga em direcção à Ponta do Ouro. A partir daí, prepare-se para viver uma aventura emocionante, atravessando a ponte sobre o rio Umbelúzi, junto da linha férrea, de onde se podem avistar as populações a lavar roupa, a nadar ou a cultivar as suas machambas. Vastas áreas de floresta natural e belas paisagens serão uma constante companhia ao longo dos 134 Km de estrada, com uma duração de aproximadamente 3 horas. Goze estes momentos ao ritmo da natureza. Quando começar a notar que a vegetação começa a dar lugar a uma savana árida, é um sinal de que se está a aproximar da Reserva!
Também pode ir via Katembe atravessando a Baía de Maputo de Ferryboat. Esta travessia ocorre de hora a hora e faz o transporte de viaturas e passageiros. Da ponte cais da Katembe para a Reserva percorre-se uma distância de cerca de 80 Km, que leva cerca de 2 horas.
A estrada dentro da Reserva inclui troços de terra batida e outros de solo bastante arenoso. Recomenda-se para esta viagem a utilização de veículos 4×4.

Moçambique não possui uma estação fria equivalente em temperaturas ao Inverno do hemisfério norte. Portanto, qualquer altura do ano é boa para visitar a Reserva. A época mais quente ocorre entre Novembro e Abril, com temperaturas médias que variam entre os 22 e 35º.

A Reserva Especial de Maputo é um óptimo destino turístico para quem gosta de passar momentos únicos a contemplar animais selvagens. Ela também oferece excelentes condições para observação de aves, pesca recreativa e canoagem nas suas lagoas.

Dentro da Reserva, pode ficar hospedado no Chemucane Community Lodge e na área de Campismo de Milibangalala. Vários locais de alojamento estão também disponíveis ao longo da costa, a sul e a norte da Reserva. Como alternativa, também poderá ficar hospedado na Santa Maria, Ponta Mamoli, Ponta Malongane ou Ponta do Ouro, onde pode praticar uma variedade de desportos náuticas nas suas praias deslumbrantes.

A Reserva é o local ideal para observar famílias numerosas de elefantes, diversas espécies de antílopes, roedores e aves. Não perca a oportunidade de visitar as lagoas de Chingute, Piti e Maundo, onde pode observar uma grande diversidade de aves, hipopótamos e crocodilos do Nilo ao longo das suas margens.

Para além da sua rica fauna selvagem, a Reserva possui uma grande diversidade de habitats constituídos por dunas parabólicas cobertas de vegetação,  florestas pantanosas,  florestas de terras arenosas, comunidades de mangais, pradarias, lagoas costeiras, extensos caniçais e planícies inundadas que albergam uma variedade de espécies endémicas de plantas.

A Reserva faz parte da Área de Conservação Transfronteiriça dos Libombos da qual fazem parte Moçambique, África do Sul e Swazilândia, e encontra-se localizada na região conhecida como o Centro de Endemismo de Plantas de Maputaland por possuir uma grande diversidade de plantas endémicas e raras.

Documentos

Planos Estratégicos
Planos de Maneio
Planos de Turismo